Segunda, 27 de Setembro de 2021
28°

Poucas nuvens

Barreirinha - AM

Geral Amazonas

Governo do Amazonas entrega 200 novos aparelhos de ar-condicionado para escolas estaduais de quatro municípios do AM

Municípios de Careiro da Várzea, Lábrea, Manacapuru e Tefé receberam 200 novos aparelhos de ar-condicionado, em ação do Governo do Amazonas.

12/09/2021 às 14h15
Por: Redação Fonte: Secom Amazonas
Compartilhe:
Demandas emergenciais estão sendo atendidas desde agosto - FOTO: Lincoln Ferreira/Seduc-AM
Demandas emergenciais estão sendo atendidas desde agosto - FOTO: Lincoln Ferreira/Seduc-AM

Os municípios de Careiro da Várzea, Lábrea, Manacapuru e Tefé receberam, juntos, 200 novos aparelhos de ar-condicionado, em ação promovida pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto. Desde o último mês de agosto, o governador Wilson Lima tem realizado uma força-tarefa com o objetivo de equipar as escolas de Manaus e do interior com novos condicionadores de ar.

Demandas referentes à refrigeração das unidades escolares são comuns no mês de setembro, em razão das altas temperaturas registradas em todo o estado com o “verão amazônico”. Por isso, o Governo do Estado se adiantou e intensificou a ação, desde agosto.

Dos 200 novos aparelhos de ar-condicionado entregues, Careiro da Várzea recebeu 40; Lábrea 40; Manacapuru 20; Tefé 100. Paralelo à entrega das novas máquinas, Manacapuru, Tefé e Careiro da Várzea receberam, também, serviços de limpeza e manutenção em seus equipamentos.

“Sabemos que, no interior, o nosso ‘verão amazônico’ chega a ser ainda mais quente que em Manaus. Por isso, não estamos medindo esforços para assegurar a refrigeração das nossas escolas, nesses municípios”, destacou a secretária de Educação, Kuka Chaves.

Mais serviços

Boca do Acre e Manicoré também foram atendidos pela força-tarefa do Governo do Amazonas. Ao todo, 74 aparelhos de ar-condicionado das escolas desses municípios receberam serviços de manutenção e limpeza.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias